• Motoaction

Após vitória em Le Mans, Granado volta à carga na MotoE


Foto Jesus Robledo

O brasileiro Eric Granado volta a competir no próximo final de semana (06), no circuito espanhol de Barcelona, durante a terceira etapa do Campeonato Mundial de Moto E, a única série de motos 100% elétricas disputada internacionalmente. Granado foi a grande estrela da etapa anterior, realizada no circuito Bugatti da pista de francesa de Le Mans, onde o piloto de 24 anos largou da pole para vencer sua primeira prova em 2021. A etapa deste final de semana terá largada às 11h (de Brasília) com transmissão ao vivo pelos canais Fox Sport.


Pole position também na primeira etapa, na espanhola Jerez de la Frontera, Eric tem se firmado como o piloto mais veloz do grid. Quarto colocado com 28 pontos após a vitória em Le Mans, Granado agora pretende focar na briga pela liderança da pontuação, que tem o italiano Alessandro Zaccone no primeiro lugar, com 41 pontos.


“Nosso foco em Barcelona é somar pontos para o campeonato”, resume Granado, que faz sua temporada de estreia pela equipe One Energy Racing, já registrando uma vitória para o time baseado na Espanha. “A vitória em Le Mans foi sensacional, especialmente por que vencer na MotoE é muito difícil pelas condições técnicas da corrida – que é muito curta e tem pilotos e equipes de altíssimo nível. Mas nosso foco é chegar à rodada dupla final da temporada brigando pelo título. Se vencermos mais uma, ótimo. Se não der, ok também. O importante é avançar na classificação”, concluiu Granado.


Ao vivo na TV – Além da corrida a partir das 11h do domingo, os canais Fox Sports também mostrarão ao vivo o treino classificatório, que será realizado no sábado às 11h10, sempre no horário de Brasília. Antes, na sexta-feira, os pilotos do Mundial entram na pista para duas sessões de treinos livres. Eric Granado compete no Mundial com apoio de Oakley, Shark, CrossFox, Thinkers, GoPro, Alpinestars, Orbea, Marazul, Edge Life Sports e Frota Assessoria.


Confira os dez melhores na classificação do campeonato:


1) Alessandro Zaccone, Itália, 41 pontos

2) Mattia Casadei, Itália, 33

3) Dominique Aegerter, Suíça, 33

4) Eric Granado, Brasil, 28

5) Jordi Torres, Espanha, 27

6) Matteo Ferrari, Itália, 18

7) Yonny Hernandez, Colômbia, 16

8) Maria Herrera, Espanha, 13

9) Miquel Pons, Espanha, 11

10) Hikari Okubo, Japão, 9












Posts recentes

Ver tudo