• Motoaction

Mundial de Superbike - Ducati vence em Jerez e Meikon é quinto na segunda prova


Scoot Ridding

O Mundial de Superbike está de volta neste fim de semana (01 e 2 de agosto), no Circuito de Jerez de la Frontera, na Espanha. E o destaque desta segunda etapa foi o piloto da Ducati Scott Ridding, que venceu as duas baterias. Na primeira prova, o atual campeão, Jonathan Rea da Kawasaki foi segundo seguido por Toprak Razgatlioglu da Yamaha, sendo que na prova do deste domingo, segundo lugar para Chaz Davies da Ducati e Razgatlioglu novamente na terceira posição, com Rea em sexto. Ridding lidera com 98 pontos, seguido por Rea com 74. Será que o piloto da Kawasaki encontrou finalmente um adversário?


Na categoria Supersport primeiro lugar para o Andrea Locatelli da Yamaha, com seu companheiro de equipé Jules Cluzel em seguindo e Lucas Mahias da Kawasaki em terceiro. Na tabela de pontos Locatelli lidera com quinze pontos de vantagem sobre Cluzel.


Unai Orradre da Yamaha venceu a primeira prova da Supersport 300, com Tom Booth-Amos da Kawasaki em segundo e Scott Deroue em terceiro. Neste categoria presença de brasileiros competindo pela Yamaha, com Ton Kawakimi na 11a. colocação, Felipe Macan em 26o. e Meikon Kawakami em 31o. posição, lembrando que ele foi Pole nesta abertura da categoria. Na segunda bateria da categoria primeiro lugar para Bahattin Sofuoglu da Yamaha seguido por Ana Carrasco da Kawasaki e Booth-Amos em terceiro, que lidera a categoria com apenas um ponto de vantagem sobre Sofuoglu. Nesta segunda prova Meikon conquistou um importante quinto lugar, com seu irmão Ton na 12a. posição e Macan na 26a. colocação. Na tabela de pontos Meikon é décimo e Ton décimo segundo.


Meikon Kawakami

“Com certeza foi um final de semana de alegrias e tristezas, com bons momentos e momentos nem tão bons assim, mas de muito aprendizado. Me senti sempre muito bem com a moto, fui constante e rápido durante o final de semana inteiro, então fiquei bem feliz com isso. No sábado consegui encaixar uma volta perfeita e consegui a pole. Uma pena que na primeira corrida tive problemas com o pedal de câmbio ainda na primeira volta. Na segunda corrida consegui me manter na frente, brigando pelo pódio, mas de olho na vitória. Ainda tive um toque no final da corrida e quase caí, acabei perdendo tempo e algumas posições, mas no final deu o P5 em uma corrida bastante disputada. Estou muito feliz, semana que vem tem mais!” afirmou Meikon.


O Mundial de Superbike continua no próximo fim de semana, no Circuito Internacional do Algarve, em Portimão, Portugal. A programação é a mesma, com treinos classificatórios na sexta-feira, disputa da Superpole e Corrida 1 no sábado, e Corrida 2 no domingo.