• Motoaction

Eric Granado retorna neste final de semana na MotoE


Com três provas para o encerramento do Campeonato Mundial de MotoE, Eric Granado é o único piloto a vencer duas vezes. Além disso, o brasileiro da equipe One Racing Engineering foi o autor das quatro pole positions colocadas em jogo e também de três das quatro melhores voltas. Esse retrospecto faz de Granado um dos principais candidatos ao título de 2021 no momento em que o Mundial se prepara para a disputa da quinta e antepenúltima etapa da temporada, no circuito austríaco de Spielberg, neste domingo (15). A prova será mostrada ao vivo no Brasil pelos canais Fox Sports.


Granado venceu a etapa anterior, em Assen (Holanda), depois de largar da pole position, reduzindo de 23 para 17 a diferença para o atual líder, o italiano Alessandro Zaccone (equipe Octo Pramac MotoE), que terminou na terceira posição. Segunda vitória do brasileiro, ao lado da etapa de Le Mans, a prova consolidou a arrancada de Eric na tentativa de alcançar os líderes.


Boa campanha - “Nossa equipe está muito otimista. Há 75 pontos em jogo nas três provas restantes e isso mostra que a briga pelo título está totalmente em aberto”, avalia o piloto brasileiro. “Fizemos uma boa campanha até aqui e temos potencial para tentar o título. Então temos todos os motivos para acreditar que vamos terminar a temporada muito bem. O título é uma possibilidade real, então vamos tentar trazer esse título para o Brasil”, completa Granado.

Alessandro Zaccone lidera com 70 pontos, seguido pelo campeão de 2020, Jordi Torres (63). Granado é o terceiro, com 53 pontos, mesma contagem do suíço Dominique Aegerter (Dynavolt Intact GP) – mas o brasileiro está isolado em terceiro por ter somado vitórias.

Eric Granado compete no Mundial de Moto-E com apoio de Oakley, Shark, CrossFox, Thinkers, GoPro, Alpinestars, Marazul, Edge Life Sports, Frota Assessoria e Suhai.


Classificação do Mundial:

1. Alessandro Zaccone (Itália, Octo Pramac MotoE), 70 pontos

2. Jordi Torres (Espanha, HP Pons 40), 63

3. Eric Granado (Brasil, One Energy Racing), 53

4. Dominique Aegerter (Suíça, Dynavolt Intact GP), 53

5. Mattia Casadei (Itália, Ongetta SIC58 Squadra Corse), 43

6. Miquel Pons (Espanha, LCR E-Team), 42

7. Matteo Ferrari (Itália, Indonesian E-Racing Gresini MotoE), 40

8. Yonny Hernandez (Colômbia, Octo Pramac MotoE), 34

9. Lukas Tulovic (Alemanha, Tech3 E-Racing), 28

10. Hikari Okubo (Japão, Avant Ajo MotoE), 24