• Motoaction

Honda CB 500X 2020 - Teste


Fotos Caio Matos

Para os amantes da aventura, a Honda oferece um modelo acessível com atributos e força, a CB 500X, modelo de entrada da categoria. Da família mesma família é a CB 500F, modelo naked, lembrando que o modelo carenado CBR 500R teve sua produção cancelada. De qualquer forma, a “X” é oferecida para aqueles que buscam esse mundo de aventuras. Ao custo de 28.900 reais, você sai de uma concessionária Honda com um modelo que pode enfrentar qualquer aventura. Para 2020, a Honda preparou algumas mudanças para torná-la ainda mais aventureira.

O visual é mesmo de um modelo aventureiro, com carenagem lateral volumosa e suspensões de longo curso, robusta e desenho agressivo, mas também compacto para um modelo trail. O banco é novo, mais anatômico e estreito, para deixar as pernas mais confortáveis e oferecer melhor pilotagem. Está 834 mm distante do solo. O novo guidão é cônico, com o centro mais largo que as extremidades, buscando oferecer maior conforto e resistência. E oferecendo mais sofisticação e proteção, o novo para-brisa está mais alto e pode ser ajustado. Há também suporte para GPS, próprio para viagens mais longas. Já o tanque de combustível tem capacidade para 17,7 litros. A CB 500X está equipada com o sistema de segurança de ignição HISS, para dissuadir furtos.

O painel de instrumentos é o mesmo da CB 500F: blackout em LCD, totalmente digital, que fornece inúmeras informações – como velocidade, giros, quilometragem parcial, nível de combustível, consumo etc. – e também marcha engatada. A iluminação é Full LED, oferecendo mais visibilidade em qualquer situação. Outra novidade é o sistema ESS (Emergency Signal Stop), alerta de parada de emergência que aciona o pisca-alerta automaticamente no caso de frenagem brusca.

Falando em frenagens, a CB 500X possui freios ABS. O disco dianteiro é flutuante e tem formato "wave" e 310 mm de diâmetro; o disco traseiro tem 240 mm. O conjunto de suspensões é comporto por garfo telescópico na posição convencional (poderia ser invertido) com 150 mm de curso, enquanto que um amortecedor traseiro com ajuste de pré-carga da mola trabalha com o sistema Pro-Link e gera 135 mm de curso. A roda dianteira é a grande novidade, agora maior, com 19 polegadas, para favorecer o uso em terrenos irregulares e a transposição de obstáculos. A roda traseira permanece com 17 polegadas.

O chassi, do tipo "diamond" é construído em aço cromo-molibdênio. O motor é o mesmo da CB 500F, bicilíndrico, DOHC, com refrigeração líquida e injeção eletrônica PGM-FI. A potência máxima é 50,4 cv a 8.500 rpm e torque máximo, 4,55 kgfm a 6.500 rpm. O câmbio de seis velocidades trabalha com um novo sistema de embreagem, deslizante, que oferece trocas de marcha mais leves e suaves, além de minimizar o travamento da roda traseira no caso de redução de marcha severa. O sistema de escapamento é do tipo 2 x 1, com a ponteira paralela ao braço oscilante e nova câmara interna, para maior eficiência.

Vale pontuar que a Honda oferece três anos de garantia e o Honda Assistance, que atende também na Argentina, Uruguai, Paraguai, Chile e Bolívia.

COMPORTAMENTO - Você se sente confortável ao sentar na nova CB 500X. O posicionamento do guidão, o assento e pedaleiras, além do design do tanque de combustível, fazem você se encaixar na motocicleta, oferecendo melhor controle e experiência na pilotagem. Contudo, ao pilotar em pé nas estradas de terra, o guidão um pouco baixo lhe obriga a ficar um pouco inclinado nessa hora, mas logo você se acostuma e vai se soltando nesse tipo de terreno. Mesmo não sendo a melhor posição, ela oferece visibilidade e controle nesse momento.

Apesar de ser um modelo trail, a CB 500X tem um apelo esportivo, e isso favorece a pilotagem no asfalto, onde o novo para-brisa protege bem o condutor e torna a viagem mais agradável. O modelo é muito ágil e também estável, permitindo realizar curvas em velocidade, mesmo as mais fechadas, o que mais encontramos no percurso. Ele é leve e estreito, além do design compacto para um modelo dessa categoria, o que influencia positivamente na pilotagem. Depois de se mostrar bem eficiente no asfalto, ela não se intimidou nos trechos de terra e encarou os obstáculos com propriedade. E seguiu competente nas trilhas mais fechadas, graças ano aro dianteiro maior e sua alma aventureira.

Valente, o motor encara qualquer situação, mas é preciso manter os giros altos, para não perder força, principalmente nas subidas na terra. Ela vai encarar esse obstáculo com certa facilidade se você manter a rotação adequada. A baixa também impressionou, fator importante na terra. Tudo isso com baixo consumo. Neste teste, a média foi de 30 km/l, o que resulta em mais de 500 km com um tanque de gasolina.

As suspensões de longo curso também oferecem uma pilotagem mais controlável e estável. Para aqueles mais experientes, elas funcionarão bem na terra, copiando bem as imperfeições, mas têm limitações. O importante é que você vai se acostumando com o seu comportamento, lembrando que o conjunto foi desenvolvido para aventuras, e não para uso extremo.

Outro item que chamou a atenção foi o sistema de freios, que apresentou boa funcionalidade. Apesar de ter sido muito exigido, devido às inúmeras curvas em todo o percurso, ele não perdeu eficiência e permitiu uma pilotagem mais agressivas e frenagens mais potentes. O ABS foi importante tanto no piso seco como no molhado, já que ainda encontramos água escoando pelo asfalto em alguns trechos, decorrente das chuvas que caíram anteriormente na região.

Apenas uma observação: a ponteira poderia estar posicionada mais para cima, ideal para incursões fora de estrada, reduzindo a possibilidade de avaria por algum obstáculo mais alto. Sim, os pneus são mistos, mas não se empolgue, pois são limitados na terra, principalmente nos terrenos mais arenosos. Portanto, fique atento quando entrar em estradas de terra. Já a nova roda dianteira maior fez diferença nesse momento, oferecendo maior estabilidade e resistência.

Resumindo, a CB 500X 2020 ficou melhor. Aumentou o nível de conforto introduzido pela antecessora, com um comportamento suave no uso urbano e permitindo maior velocidade na condução em terra batida. Sua próxima viagem tem tudo para ser altamente agradável. O motor é competente e o conjunto tem grande agilidade e controle do piloto, qualidades necessárias para qualquer boa aventura.

Com certeza a nova CB 500X é ideal para os iniciantes no mundo da aventura, para os de espírito livre e que pretendem conquistar novos lugares. De posse de uma 500X, você vai poder enfrentar qualquer percurso. E sem alto custo. É o começo realmente de uma grande aventura!


Confira também um resumo deste teste no vídeo abaixo, que inclui da CB 500F.


ESPECIFICAÇÕES

Motor: bicilíndrico, DOHC, refrigeração líquida

Cilindrada: 471 cc

Alimentação: injeção eletrônica PGM-FI

Transmissão: 6 velocidades

Chassi: tipo Diamond

Distância do assento: 834 mm

Suspensão dianteira: garfo telescópico convencional, 150 mm de curso

Suspensão traseira: Pro-Link, monoamortecedor, 135 mm de curso

Freio dianteiro: disco flutuante, 310 mm de diâmetro, ABS

Freio traseiro: disco, 240 mm de diâmetro, ABS

Potência: 50,4 cv a 8.500 rpm

Torque: 4,55 kgfm a 6.500 rpm

Tanque: 17,7 L

Peso (seco): 183 kg


r