• Motoaction

Yamaha apresenta equipes para 2021


Nesta quarta-feira (26/05) a Yamaha apresentou suas equipes para a temporada 2021, para as modalidades motocross, rally e motovelocidade. Confira abaixo os pilotos que vão representar a marca.


MOTOVELOCIDADE


Os brasileiros Ton Kawakami e Meikon Kawakami estão prontos para disputar o Mundial de Superbike na categoria WorldSSP300 com sua Yamaha YZF-R3, ambos com grandes chances de vitórias. Os irmãos integram a AD78 Team Brasil by MS Racing, que conta com patrocínio da Yamaha Racing Brasil e faz parte do Programa bLU cRU Europa.


Esta será a terceira temporada consecutiva de Ton Kawakami no WorldSSP300. O jovem brasileiro de 20 anos tem em seu currículo, o Bicampeonato Brasileiro da Yamalube R3 Cup, Bicampeonato Brasileiro 1000 Milhas de Interlagos e um título de Campeão Brasileiro 600 SuperSport. Ton foi ainda o primeiro brasileiro a conquistar uma pole position na modalidade, em Donington Park, em 2019.


Meikon Kawakami, embora mais novo que o irmão, aos 19 anos de idade tem uma ampla experiência no motociclismo mundial. Disputou por dois anos o Rookies Cup, uma temporada na Moto3, e segue em sua segunda temporada no WorldSSP300, faturando no ano de estreia, em 2020, a pole no GP disputado em Jerez, na Espanha.


Mais entrosados com a Equipe AD78 Team Brasil by MS Racing – seu suporte na Europa – e com as pistas do circuito mundial, os irmãos Kawakami esperam maior consistência e bons resultados na temporada de 2021 do WorldSSP300.

Para alcançar esses objetivos, a preparação dos pilotos foi fundamental, e incluiu deste de ciclismo e treinamento off-road, com instrutor do YRA Brasil, a disputa das primeiras etapas do Campeonato Espanhol de Superbike, um dos mais importantes do mundo. Nele, além de estarem sempre entres os primeiros, Ton conquistou a pole e venceu a primeira corrida do campeonato, e Meikon faturou a primeira colocação da segunda corrida.


As etapas da categoria WorldSSP300 são disputas em duas corridas por final de semana. Os treinos livres serão nas sextas-feiras, com uma corrida aos sábados e outra aos domingos.


A novidade para este ano, é que não haverá mais corrida de repescagem, elevando ainda mais o nível da categoria. No novo regulamento, a classificação para disputar as corridas 1 e 2 será obtida através da Superpole, disputada na manhã de sábado, antes da corrida 1.


A Equipe AD78 Team Brasil by MS Racing, formada pelos pilotos Ton Kawakami e Meikon Kawakami, e conta com o patrocínio da Yamaha Racing Brasil, Playstation, MotulBR, LS2, iPlantForest, Pirelli BR, Alpinestars BR, MG Bikes, MS Racing e AD78.

Confira o calendário de provas:

1ª rodada / 21 a 23 de maio – Circuito de Aragão, Espanha

2ª rodada / 11 a 13 de junho – Circuito de Misano, Itália

3ª rodada / 23 a 25 de julho – Circuito de Assen, Holanda

4ª rodada / 6 a 8 de agosto – Circuito de Most, República Tcheca

5ª rodada / 3 a 5 de setembro – Circuito de Magny-Cours, França

6ª rodada / 17 a 19 de setembro – Circuito de Montmeló, Espanha

7ª rodada / 24 a 26 de setembro – Circuito de Jerez, Espanha

8ª rodada / 1 a 3 de outubro – Circuito de Algarve / Portimão, Portugal


R3 BLU CRU EUROPA

A primeira temporada da a R3 bLU cRU European Cup, que reúne jovens talentos do mundo todo, faz sua estreia em 11 de junho e terá dois pilotos brasileiros no grid.

Vindos da Yamalube R3 bLU cRU Humberto Turquinho, de 15 anos, e Eduardo Burr, de apenas 14, estão confirmados para a temporada europeia. Ansiosos pela estreia, a dupla segue firme e engajada nos treinamentos preparatórios realizados no Brasil e na Europa.


Humberto Turquinho é o atual campeão brasileiro da Yamalube R3 bLUcRU Cup, e recebeu como premiação da temporada 2020 o incentivo da Yamaha Racing Brasil de 16.740 Euros, que corresponde a 60% da inscrição no campeonato europeu da modalidade.


Eduardo Burr, o piloto de apenas 14 anos, fez grandes corridas na temporada 2020, inclusive vencendo última corrida de 2020 da Yamalube R3 bLU cRU Cup.

Para ambos, a R3 bLU cRU European Cup é encarada como uma grande oportunidade de ingressarem no campeonato mundial da categoria, já que o campeão da temporada receberá como prêmio, uma vaga na WorldSSP300, categoria que Ton e Meikon Kawakami participam atualmente, também com patrocínio da Yamaha Racing Brasil e gerenciamento de AD78 Sports.


Ao todo serão 24 pilotos vindos das mais variadas partes do mundo, todos ávidos por uma vaga dentro do Mundial de SuperBike.


Como a R3 Cup disputada no Brasil, que em 2021 passa a ser chamada de Yamalube R3 bLU cRU Cup – Latim America (em função da participação de pilotos latino americanos), a R3 bLU cRU European Cup tem os treinos classificatórios, e é disputada em rodada dupla, porém com uma corrida no sexta e outra no sábado.


Mesmo competindo na Europa, os dois atletas brasileiros continuarão participando da Yamalube R3 bLU cRU Cup – Latin America disputada no Brasil, já que os calendários são em datas diferentes.

Confira o calendário de provas:

1ª rodada / 11 e 12 de junho – Circuito de Misano, Itália

2ª rodada / 2 e 3 de julho – Circuito de Donington Park, Inglaterra

3ª rodada / 23 a 24 de julho – Circuito de Assen, Holanda

4ª rodada / 6 a 7 de agosto – Circuito de Most, República Tcheca.

5ª rodada / 3 a 4 de setembro – Circuito de Magny-Cours, França

6ª rodada / 17 a 18 de setembro – Circuito de Montmeló, Espanha



MOTOCROS


Pelo décimo ano consecutivo, a Yamaha Monster Energy Geração é a representante da Yamaha Racing Brasil no motocross brasileiro. E, com a temporada prestes a começar, a meta é uma só: repetir as conquistas dos anos anteriores, quando foi a principal protagonista do motocross brasileiro ao vencer 6 dos 9 campeonatos disputados na MX1.


O time segue com o mesmo elenco de 2020. Paulo Alberto, que faturou todos os campeonatos que disputou no ano passado, chega em 2021 com a missão de defender os títulos do Brasileiro de Motocross e do Arena Cross. As expectativas para 2021 são boas, tivemos um ano muito bom em 2020 e estamos cheios de motivação para chegar a 2021 com tudo. Estou 100% focado em atingir de novo os objetivos da temporada passada.” Disse o campeão.


A disputa interna será acirrada mais uma vez, já que Carlos Campano segue em busca do Hexacampeonato. O pentacampeão brasileiro é o maior nome do esporte no Brasil desde quando desembarcou em terras tupiniquins, em 2011, e se diz em plena forma física aos 35 anos para brigar de igual para igual com os mais jovens.


A juventude da equipe na principal categoria está representada por Fábio Santos, que vai para seu segundo ano na MX1 livre das lesões e pronto para entrar nesta briga.


A Yamaha Monster Energy Geração também mantém Tallys Nathan e Pepê Bueno na categoria MX2, ambos dedicados a trazer o título de volta para a equipe – Fábio Santos já conquistou a MX2 pelo time por três vezes.


A experiente Maiara Basso, vice-campeã em 2020, segue na categoria MXF para trazer de volta a taça. E Vitor Hugo Borba defende as cores da Yamaha na categoria MX2JR.


A Yamaha Monster Energy Geração tem patrocínio da Monster Energy, Grupo Geração, IMS Race Wear, Yamalube, Yamaha Consórcio, Polisport, Júpiter Baterias, Pirelli, Durag, Moto Style Graphics, Vedamotors, GET, DID, Foco Racing, Diafrag e CMB.



RALLY


A temporada 2021 vai começar e a equipe Yamaha IMS Rally Team está pronta para repetir o sucesso do ano anterior, quando ganhou o Sertões com o piloto Ricardo Martins, o Brasileiro de Rally na categoria Moto 2 com o piloto Túlio Malta e o Rally Jalapão com o piloto Adrien Metge.


Os três pilotos estão mantidos na equipe, que começa 2021 ainda mais estruturada e com maior entrosamento sob a capitania de Wellington Valadares, proprietário da IMS Race Wear e ex-piloto, pelo segundo ano consecutivo.


O foco principal é o Sertões, maior rally das Américas, mas o time também quer títulos nas demais competições como Rally Jalapão, Caminho das Neves, Sertões Series e RN 1500, que é o primeiro desafio da temporada com início marcado para 1º de junho, com saída em Campina Grande e chegada em Natal, Rio Grande do Norte.


Vale ressaltar que o time também é formado pelos patrocinadores, que neste ano são: IMS Race Wear, WMC Log, Polisport, Tendas El Shaddai, Yamalube, PowerMX, D.I.D. Alta Performance, BPM, Durag, Duboy Works, Vira-Latas Motoclube e Rocket Escapamentos.


GIRO AZUL


A Yamaha apresentou também o projeto Giro Azul. Um espaço pensado para divulgar as atividades da Yamaha no Brasil e no mundo. Apresentado por Fausto Macieira de forma leve e descontraída, o conteúdo aborda temas de interesse dos que apreciam a trajetória da Yamaha nas ruas, pistas, trilhas e estradas. São tantos os eventos, as competições, as histórias de superação e sucesso, que os costumeiros comunicados oficiais não fariam juz ao que se pretende com este espaço. Assuntos como a Copa R3 no asfalto, as conquistas no motocross e no enduro, as vitórias no Rally dos Sertões, riscando de azul as ruas e pistas brasileiras e internacionais.


Para acompanhar o Giro Azul basta entrar no site www.yamaha-racing.com.br